Home / Noticias / Trecho da BR-101 em Guarapari, no ES, é o mais perigoso do Brasil, aponta estudo da CNT

Trecho da BR-101 em Guarapari, no ES, é o mais perigoso do Brasil, aponta estudo da CNT

Acidente envolvendo duas ambulâncias, uma carreta e um ônibus deixa 21 mortos e vários feridos no km 343 da BR-101, em Guarapari (Foto: Jeferson Rocio/Futura Press/Estadão Conteúdo)

Um trecho de 10 quilômetros da BR-101 em Guarapari, no Espírito Santo, foi considerado o mais perigoso do Brasil em um estudo feito pela Confederação Nacional do Transporte (CNT), divulgado nesta segunda-feira (4).

No levantamento, a CNT avaliou 4.571 trechos de até 10 km e adotou o critério de maior número de mortes em acidentes registrados em 2017.

No trecho mais perigoso, que vai do quilômetro 343 ao 353, foram registradas 21 mortes e 14 acidentes no ano avaliado. Todas as vítimas morreram em único acidente, no dia 22 de junho, que envolveu duas ambulâncias, um ônibus com 30 passageiros e uma carreta que transportava rochas.

 Na 6ª posição do ranking, está o trecho que vai do quilômetro 444 ao 454, em Mimoso do Sul. Foram registradas 13 mortes e 15 acidentes.

Um grave acidente entre um micro-ônibus, um carro de passeio e dois caminhões de carga, causou a morte de 11 pessoas na estrada, em setembro de 2017.

Acidente entre 4 veículos deixa BR-101 interditada em Mimoso do Sul (Foto: Renata Resstel/ Foto leitor - A Gazeta)Acidente entre 4 veículos deixa BR-101 interditada em Mimoso do Sul (Foto: Renata Resstel/ Foto leitor - A Gazeta)

Acidente entre 4 veículos deixa BR-101 interditada em Mimoso do Sul (Foto: Renata Resstel)

Outros cinco trechos, sendo quatro na BR-101 e um na BR-262, estão entre os 100 mais perigosos do país.

Trechos do ES entre os 100 mais perigosos do Brasil

Rodovia Município Trecho Número de mortes Número de acidentes Posição na lista
BR-101 Guarapari km 343,1 ao km 353,1 21 14
BR-101 Mimoso do Sul km 444,2 ao km 454,2 13 15
BR-101 Serra km 264,1 ao km 268,9 9 593 12º
BR-262 Iúna km 179 ao km 189 8 8 35º
BR-101 Viana km 296,4 ao km 305,4 7 88 42º
BR-101 Ibiraçu km 203,6 ao km 213,6 7 36 44º

Estudo

No levantamento, a CNT avaliou 4.571 trechos de até 10 km. O trabalho relaciona as características da infraestrutura viária apresentadas na Pesquisa CNT de Rodovias 2017 aos acidentes com vítimas registrados pela Polícia Rodoviária Federal em 2017.

Ao analisar as condições das rodovias, o estudo constata que, quando a avaliação do estado geral é regular, ruim ou péssima, a gravidade dos acidentes nos trechos considerados mais perigosos é 2,4 vezes maior que no restante das rodovias brasileiras.

About Marcelo Ribeiro

Check Also

Operação prende mais de 30 homens acusados de estupro no ES; missionário e guarda-vidas estão entre os presos

Cerca de 60% dos suspeitos detidos já tinham condenações pelo crime Durante 50 dias de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *