Home / Noticias / Suspeito de sequestrar Thayná responde por diversos crimes em pelo menos três estados

Suspeito de sequestrar Thayná responde por diversos crimes em pelo menos três estados

O suspeito de sequestrar a menina Thayná, Ademir Lúcio Araújo Ferreira, de 55 anos, responde por crimes de estelionato, receptação, extorsão e ameaças em pelo menos três estados brasileiros. Ele foi preso na manhã desta segunda-feira (13), em Porto Alegre (RS).

De acordo com a polícia, somente no Rio Grande do Sul, onde mora seu filho, Ademir possui 22 passagens pela Justiça e já foi detido por estelionato, receptação, extorsão e ameaças. O suspeito também já foi detido em Minas Gerais, acusado de ter matado o namorado da sogra, em 2015.

No Espírito Santo, Ademir tem passagens por homicídio, roubo e estelionato. Ele também é suspeito de ter estuprado uma menina de 11 anos, três dias antes de ter sequestrado Thayná. Na época desses crimes, Ademir morava em Viana, junto com a namorada.

Em maio de 2016, o suspeito foi preso no Espírito Santo, a pedido da Justiça do Rio Grande do Sul. Ele teve um pedido de prisão domiciliar negado, em setembro do mesmo ano, mas ganhou liberdade provisória dois meses depois. A Justiça gaúcha levou em consideração um atestado médico, segundo o qual Ademir sofre de insuficiência renal crônica em estado terminal.

Por um pedido da Justiça do Rio Grande do Sul, em outubro de 2017, Ademir teria prestado depoimento, no Espírito Santo, por meio de carta precatória, por um dos crimes que cometeu no Estado.

About Marcelo Ribeiro

Check Also

Operação prende mais de 30 homens acusados de estupro no ES; missionário e guarda-vidas estão entre os presos

Cerca de 60% dos suspeitos detidos já tinham condenações pelo crime Durante 50 dias de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *