Home / Noticias / Servidor da Câmara da Serra é indiciado por divulgação de fake news

Servidor da Câmara da Serra é indiciado por divulgação de fake news

O suspeito teria proferido mensagens falsas contra uma juíza que atua no mesmo município, através de uma página no Facebook


Um ex-assessor parlamentar da Câmara Municipal da Serra foi indiciado pela Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes Cibernéticos (DRCC), da Polícia Civil, pelo crime de espalhar notícias falsas, a chamada Fake News. O suspeito teria proferido mensagens falsas contra uma juíza que atua no mesmo município, através de uma página no Facebook com mais de 120 mil curtidas.

“Ele indicava que essa juíza seria colega do atual prefeito da Serra e que sempre engavetava os processos em que ele era denunciado”, explica o delegado Breno Andrade.

John Silva Thomsen trabalhava para o vereador do município Nacib Haddad, afastado em abril por supostamente usar do cargo para participar de fraudes em contratos de serviços de limpeza.

A falsa informação foi publicada em abril deste ano. Com a repercussão do caso, a juíza fez a denúncia. O assessor foi indiciado, mas vai responder o processo em liberdade.

A mensagem publicada citava uma suposta parceria entre o prefeito da Serra, Audifax Barcelos e da juíza. No texto, o autor afirmava que “a juíza, que deu liminar a favor do prefeito para ele não ser investigado, nunca foi contra ele em nenhuma decisão, além de engavetar vários processos em desfavor de Audifax”.

About Marcelo Ribeiro

Check Also

Justiça do ES dá 48h para que sindicato se manifeste sobre greve de motoristas de caminhão de lixo

Sindicato patronal acusa a categoria de não cumprir a liminar que determina a manutenção de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *