Home / Polícia / Homem é morto com sete tiros na própria empresa, em Cariacica

Homem é morto com sete tiros na própria empresa, em Cariacica

O proprietário de uma distribuidora Teobaldo Alvarenga Souza, de 40 anos, levou sete tiros e caiu morto no colo da irmã, que estava com ele no momento. O crime aconteceu na empresa de Teobaldo, em Itacibá, bairro de Cariacica, no fim da tarde deste domingo (21).Um rapaz chegou ao local se identificando como cliente e pediu um refrigerante. Quando Teobaldo voltou, foi alvejado com sete tiros.

Segundo a polícia, o executor simulou um assalto antes de efetuar os disparos. Teobaldo chegou a ser socorrido, levado para o Hospital Meridional e transferido para o Hospital São Lucas, em Vitória, onde morreu.

Inicialmente, a polícia suspeitou de que o crime se tratava de um latrocínio, que é o roubo seguido de morte, mas pela quantidade de tiros essa hipótese foi descartada.

“ELE CAIU NO MEU COLO”

Uma irmã de Teobaldo, que também trabalhava com ele no local, estava com ele no momento em que ele foi baleado. Segundo ela, o rapaz chegou e pediu um refrigerante como um cliente qualquer.

“Ele chegou pedindo um refrigerante. O Teolbaldo foi pegar e não sei se chegou a entregar, mas quando meu irmão voltou para a loja, o rapaz começou a gritar: ‘dinheiro, dinheiro’, mas não pegou dinheiro nenhum”, contou.

A também proprietária do estabelecimento relata que viu o irmão cair no próprio colo. “Ele caiu no meu colo. Não tive nem tempo de tentar ajudá-lo, eu não podia fazer nada. Só gritei. Ele ficou caído ali, sem que eu conseguisse entender o porquê”, afirma.

A irmã conta que o crime é visto pela família como um mistério. “A gente está querendo entender. Ele não bebe, não fuma, nunca teve envolvimento com alguma briga. Uma coisa sem explicação”, frisa.

A irmã da vítima disse ainda que a família inteira ficava com medo de Teobaldo ficar no estabelecimento até tarde, já que no local também eram vendidas bebidas alcoólicas. Em contrapartida, lamenta que não tiveram como fazer nada. “Agora ele está morto. Vão falar o que quiser dele. Quem vai provar o contrário?”, aponta.

Teobaldo morava com a mãe, de 74 anos, além de estar próximo de outros irmãos em residências próximas. Ele deixa dois filhos, um de 9 anos, e uma menina de 2 anos.

A polícia suspeitou de latrocínio, mas pela quantidade de tiros essa hipótese foi descartada. O crime será investigado pela Delegacia de Crimes Contra a Vida (DCCV) de Cariacica.

Com informações de Kaique Dias.

About Marcelo Ribeiro

Check Also

Homem suspeito de estuprar as duas filhas e três sobrinhas é preso.

A vítima mais recente, uma sobrinha do homem, foi examinada no Serviço Médico Legal (SML) …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *