Home / Noticias / Cliente mata frentista após discussão em posto de combustíveis

Cliente mata frentista após discussão em posto de combustíveis

Uma discussão por causa da compra de um galão de gasolina acabou com a morte de um frentista, em Cariacica, na noite deste sábado (30). José Rubens Dutra, 49, foi morto com cinco tiros pelo cliente que tentou comprar o combustível.

Segundo informações de testemunhas, o cliente chegou em um táxi ao posto Valentim, que fica na BR 262, próximo à entrada de Campo Grande, por volta das 18h30 para comprar gasolina em um galão. Ele entregou o cartão de crédito ao frentista, que fez o procedimento para cobrança, mas não houve autorização, já que a senha que ele digitava não condizia. Neste momento, ainda segundo testemunhas, os dois começaram a discutir, e o cliente saiu dizendo que voltaria.

Pessoas que estavam no posto informaram à polícia que o homem apresentava sinais de embriaguez.

Por volta das 19h, ele cumpriu a ameaça: voltou ao posto e deu vários tiros na direção do frentista. Imagens da câmera de videomonitoramento de uma padaria, que fica nas proximidades do posto, mostraram o momento em que o homem estacionou o carro, um Renault Logan prata, na Rua Alegre, em Vila Capixaba, e seguiu em direção ao posto.

Um outro funcionário do posto e um cliente também estavam no local e correram para não serem atingidos pelos disparos. Toda a ação durou cerca de dois minutos.

Uma testemunha que trabalha próximo ao posto disse que ouviu sete tiros. Segundo informações da Polícia Civil, cinco projéteis acertaram o frentista.

José Rubens era evangélico, trabalhava no posto havia 8 anos  e morava no bairro Oriente, em Cariacica. Colegas de trabalho disseram que ele era muito querido e tranquilo. “Ele estava muito feliz, pois recentemente se tornou avô de gêmeas. Elas eram a felicidade dele”, contou um funcionário do posto que preferiu não se identificar.

“Quando ouvi os tiros achei que fosse bombinha, depois percebi que não era e me escondi. Depois que o homem fugiu ainda tentei socorrer o José Rubens, mas já era tarde”, contou uma testemunha que trabalha próximo ao posto.

O posto de combustíveis possui câmeras de segurança, que podem ter flagrado o homicídio. De acordo com policiais militares que atenderam a ocorrência, as imagens serão recolhidas.

José Rubens deixou esposa, três filhos e duas netas.

2017-10-01

About Marcelo Ribeiro

Previous Saiba quem tem direito a saque antecipado do PIS/Pasep e veja calendário
Next Cliente que matou frentista é preso durante festa de aniversário

Check Also

Operação prende mais de 30 homens acusados de estupro no ES; missionário e guarda-vidas estão entre os presos

Cerca de 60% dos suspeitos detidos já tinham condenações pelo crime Durante 50 dias de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sair da versão mobile