Home / Noticias / Cartórios ampliam horário de atendimento nos últimos dias para regularizar Título Eleitoral

Cartórios ampliam horário de atendimento nos últimos dias para regularizar Título Eleitoral

Quem ainda não tirou o Título Eleitoral ou precisa regularizar a situação do documento tem que se apressar. O prazo para realização destes serviços termina na próxima quarta-feira (09).

Para atender ao público, o Tribunal Regional Eleitoral do Espírito Santo (TRE-ES) ampliou o horário de funcionamento dos cartórios eleitorais. Até o último dia do prazo, as unidades vão funcionar das 9 às 18 horas.

Dia 09 de maio é o último prazo para cadastro de novos títulos, atualização de nome social e identidade de gênero, transferência de domicílio e quitação de pendências com a Justiça Eleitoral para os interessados em votar nas eleições de outubro.

Como regularizar a situação?

Se a situação do eleitor estiver “irregular”, é sinal de que ele ficou mais de três eleições sem votar ou justificar sua ausência nas urnas. Importante lembrar que cada turno de um pleito representa uma eleição para efeito dessa contagem.

Transferência

Se o eleitor mudou de cidade e precisa alterar o local de votação para exercer o direito de eleger seus representantes este ano, o prazo final para essa mudança também é dia 9 de maio. Para tanto, basta comparecer a qualquer cartório eleitoral munido de um documento oficial com foto e de seu novo comprovante de residência.

Eleitor com deficiência

Pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida que precisarão de atendimento especial no dia da eleição também devem fazer essa comunicação à Justiça Eleitoral até o fechamento do cadastro. Assim, será possível transferir esse eleitor para uma seção eleitoral com acessibilidade para garantir mais conforto e segurança.

A Constituição Federal (artigo 14, parágrafo 1º) prevê que o alistamento eleitoral e o voto são obrigatórios para os maiores de 18 anos. Todavia, brasileiros de 16 e 17 anos também podem tirar o título de eleitor. O procedimento é simples e pode ser iniciado pela internet, por meio do Título Net.

Depois de fazer a solicitação on-line, o cidadão deve comparecer às unidades de atendimento da Justiça Eleitoral, munidos da documentação exigida, para concluir os serviços pedidos e receber o título. Em caso de não comparecimento do cidadão, o requerimento será invalidado.

O eleitor que tem 15 anos, mas vai completar 16 anos até a data da eleição e pretende votar, também pode requerer o título de eleitor até o dia 9 de maio.

Nome social

Travestis e transexuais que queiram incluir no título de eleitor o nome social, a fim de votar em outubro, também devem fazê-lo até o fechamento do cadastro. A mudança é simples e exige apenas a autodeclaração do nome com o qual deseja ser identificado. O nome civil e o nome social ficarão registrados nos bancos de dados de eleitores.

Você pode Gostar de:

Polícia Federal vai leiloar materiais e veículos com oferta mínima de R$ 4,5 mil

No total, serão oferecidos 33 lotes, sendo 22 de veículos e outros onze lotes de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *