No Banner to display

americanas.com
Home / Meio Ambiente / BR-101 terá desvios para construção de quatro viadutos em Viana
americanas.com.br

BR-101 terá desvios para construção de quatro viadutos em Viana

Os motoristas devem ficar atentos às alterações no trânsito nestes trechos e às orientações que serão transmitidas pela concessionária, observando a sinalização e placas indicativas de desvios que ocorrerão na pista. Estes locais contarão também com painéis eletrônicos para transmissão de mensagens com detalhes sobre as obras e o tráfego na região. As intervenções ocorrerão até o fim de 2019, quando está prevista a conclusão de todas as obras.

As obras fazem parte da ampliação, melhoria e duplicação da BR 101 e demandarão investimentos da ordem de R$ 55,9 milhões. Sendo R$ 34,8 milhões para os viadutos do km 298 e 298,5, R$ 4,6 milhões para o viaduto do km 302 e R$ 16,5 milhões para o viaduto do km 305, este último inserido nas obras de duplicação de Viana a Guarapari, trecho onde serão duplicados 30 quilômetros da rodovia.

Os primeiros dois viadutos serão construídos em trechos urbanos, próximos aos bairros Marcílio de Noronha e Vila Bethânia; o terceiro fica próximo ao acesso do bairro Universal; o quarto viaduto fica no entroncamento da BR -101 com a BR- 262, após o posto da Polícia Rodoviária Federal.

Atualmente, os cruzamentos dos kms 298 e 298,500 são realizados por meio de vias com semáforos, o que causa retenção no tráfego da região. Com a implantação dos viadutos, este cruzamento em nível será extinto. Este processo faz parte da readequação do sistema viário daquela região. Não haverá mudança no local dos cruzamentos existentes.

No km 302, será construído uma interseção em desnível para que os motoristas façam o retorno sobre a rodovia existente. Neste trecho específico, o trânsito não sofrerá alterações ou qualquer forma de desvio, apenas intervenções pontuais que não comprometerão o tráfego.

De acordo com o gerente responsável pelas obras de duplicação da BR-101 no Espírito Santo, Rodrigo Rodrigues, as intervenções têm como principais objetivos proporcionar mais fluidez e segurança ao tráfego da rodovia. Além de benefícios proporcionados aos motoristas, as obras também trarão mais segurança para os pedestres que precisam atravessar a pista. Os dois dispositivos dos kms 298 e 298,5 terão travessia para pedestre. Durante a execução da obra de implantação das passagens em desnível, o tráfego da pista central será desviado para as marginais, nos dois sentidos da BR-101. Aumentando a fluidez e segurança do tráfego, as obras também contribuirão para a diminuição dos custos logísticos, fomentando o desenvolvimento econômico regional e do Estado do Espírito Santo.

“Estamos trabalhando para causar o menor impacto possível para os usuários da rodovia. Porém, sabemos que uma obra desta grandeza causará alguns transtornos no tráfego. Desta forma, toda a obra será sinalizada com dispositivos  de segurança, como placas de sinalização e painéis com mensagens e orientações aos motoristas. Também estamos remanejando as travessias para pedestres”, explica Rodrigues.  Para evitar acidentes, Rodrigues lembra que os motoristas devem respeitar a sinalização, bem como reduzir a velocidade nos trechos onde as obras passarão a ser  executadas”.

O viaduto que será construído no km 305 (próximo ao trevo da BR 262) substituirá a rótula hoje existente no local, sendo feita uma interseção em desnível. Nesse caso, após concluídas as intervenções, os veículos não precisarão mais parar para entrar ou sair da BR-101, seja no sentido Vitória/ Guarapari ou Belo Horizonte. Neste trecho, os motoristas que seguirem no sentido Vitória/Domingos Martins farão um novo trajeto, pois haverá um bloqueio no ponto onde hoje se acessa a BR-262. Será feito um novo acesso, 150 metros à frente. Quem estiver dirigindo na BR-101 no sentido Guarapari/Domingos Martins deverá seguir até o novo retorno provisório, que está sendo implantado próximo ao posto da Policia Rodoviária Federal (PRF).

Os motoristas que trafegarem no sentido Vitória/Guarapari e desejarem retornar no sentido BR-101 Norte deverão fazer o retorno no acesso, localizado 330 metros à frente, no antigo Posto Flexa. Quem estiver no sentido Guarapari/Vitória e quiser retornar, deverá acessar um retorno provisório, próximo a PRF. O motorista que precisar sair da BR-262, tanto sentido Vitória, quanto Guarapari, não enfrentará alterações significativas no trajeto, pois o percurso será apenas adequado em função da nova sinalização da rodovia.

Duplicação

A construção do viaduto do km 305 faz parte da duplicação de 30 km da BR101/ES, entre Viana e Guarapari, obra que contará com cerca de R$ 115 milhões em investimentos. Deste total, R$ 16,5 milhões serão destinados à construção deste viaduto. Neste trecho específico, a duplicação foi iniciada em maio de 2018 e contará com duas faixas para cada sentido, separadas por canteiro central ou por barreira de segurança de concreto. A Eco 101 já iniciou a construção de outros dois viadutos no trecho Viana/Guarapari: um no distrito de Amarelos, próximo à rodovia ES-388; e outro no trevo de Guarapari.

Investimentos

A concessionária Eco101 desenvolve um programa de obras de duplicação ao longo da BR-101 em paralelo à realização de obras de manutenção da rodovia e de instalação de dispositivos de segurança. Dentro deste cronograma, foram entregues, em dezembro de 2017, o trecho de duplicação de Anchieta (km 363 ao 366); em  setembro de 2018 foram concluídas as obras do trecho de João Neiva (km 205,4 ao km 208,1); em novembro de 2018 foram concluídas as obras do trecho de Ibiraçu (km 215, 9 ao km 220,4); e estão em andamento as obras de implantação do Contorno de Iconha, já em pista duplicada, com previsão de entrega para o primeiro trimestre de 2019, e o trecho de Viana até Guarapari (km 305 ao 335), totalizando com os trechos já liberados, 47 quilômetros. Também estão em andamento as obras para implantação de oito passarelas e, ainda, a revitalização da Rodovia do Contorno – obras no que já receberam investimentos de R$ 10 milhões. A recuperação total desta rodovia deve demandar investimentos da ordem de R$ 77 milhões.

Desde que assumiu a concessão, a Eco 101 investiu na BR-101/ES, no período de cinco anos, R$ 1,138 bilhão em obras de melhorias, obras de ampliação e serviços operacionais. Esses recursos foram aplicados, por exemplo, no recapeamento da estrada existente, recuperação de dispositivos de drenagem, construção de 12 bases de atendimento aos usuários (todas com ambulância e guinchos), reforma de seis postos e três delegacias para a PRF, nivelamento de 180 quilômetros de acostamento, recuperação de sinalização horizontal e substituição de seis mil placas de sinalização. A aceleração das obras no período 2017/2018 demandou investimentos da companhia da ordem de R$ 310 milhões. Outros R$ 110 milhões estão sendo gastos com custos operacionais, o que inclui a continuidade da prestação dos serviços de ambulância e guincho aos usuários da rodovia.

Você pode Gostar de:

Barragem de Duas Bocas, em Cariacica, será a primeira a ser fiscalizada no ES

A estrutura da barragem de Duas Bocas, em Cariacica, usada para reserva e captação de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

No Banner to display