Home / Economia / Banestes lança plano de demissão voluntária para servidores

Banestes lança plano de demissão voluntária para servidores

O Plano Especial de Desligamento Incentivado (PEDI) tem como objetivo a adoção de um novo modelo de gestão de infraestrutura de tecnologia da informação, com a automatização de processos


O Banco do Estado do Espírito Santo (Banestes) confirmou que possui um plano de demissão voluntária em andamento. Ao todo 45 funcionários poderão aderir ao plano até 30 de setembro de 2019. A medida faz parte de um processo de digitalização do banco.

O Plano Especial de Desligamento Incentivado (PEDI), tem como objetivo a adoção de um novo modelo de gestão de infraestrutura de tecnologia da informação, com a automatização de processos.

A gestão do banco e os serviços de data center serão otimizados. Em nota, o Banestes informa que a estrutura da equipe será flexibilizada para os melhores padrões do mercado, “preservando o compromisso com os fundamentos da carreira interna e a maximização de geração de valor para nossos acionistas, além de contemplar aqueles funcionários que contribuíram significativamente para o Banco ao longo de suas carreiras com um conjunto de benefícios para auxiliá-los em seus novos movimentos de carreira fora da organização”.

De acordo com o jornal Valor Econômico, o PDV permitirá o pagamento de todas as verbas rescisórias, bem como verba indenizatória especiais, incluindo quatro salários extras, quatro vezes o valor médio mensal de horas extras pagas no período de janeiro a julho; 50% do saldo do FGTS para fins rescisórios; manutenção do plano de saúde do titular pelo período de 12 meses; benefício de ticket alimentação e refeição pelo período de 12 meses; e contribuição para a Previdência Social, na condição de autônomo, sobre o valor teto do INSS, pelo período de 18 meses.

About Marcelo Ribeiro

Check Also

Novo lote do abono PIS/Pasep será liberado nesta terça. Saiba quem tem direito e confira o calendário!

O abono salarial varia de R$ 88 a R$ 1.045 mil conforme o número de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *