Home / Noticias / Após recusar corrida taxista é espancado por travesti e vai passar por cirurgia

Após recusar corrida taxista é espancado por travesti e vai passar por cirurgia

Um taxista foi espancado por uma travesti, na madrugada desta sexta-feira (10) em Laranjeiras, na Serra. O ataque aconteceu por volta das 3h20.

Segundo os colegas de profissão, o motorista trabalhava no ponto de táxi do Terminal de Laranjeiras, quando foi abordado por um travesti, que pediu uma corrida para Jacaraípe. O taxista recusou a viagem, já que a diferença do valor que ele queria cobrar era R$ 5,00 a mais do que a suspeita queria pagar.

Diante da negativa, a travesti teria puxado o taxista para fora do veículo e começou a dar socos, tapas e chutes nele. Após a agressão a acusada fugiu. “Ele contou no hospital que se recusou a fazer a corrida pelo preço e pelo local que é muito perigoso. Por isso, ele apanhou bastante”, contou um colega de profissão, que pediu para não ser identificado.

Ainda de acordo com o colega do taxista, que conversou com ele, antes dele ser internado, quem encontrou a vítima foram motoristas de ônibus que seguiam para o trabalho. Eles acionaram a Polícia Militar e uma ambulância do Samu-192, que levou o motorista para o Hospital Jayme Santos Neves, na Serra, onde trabalha o colega taxista.

“Ele vai passar por uma cirurgia no fêmur amanhã (neste sábado, 11). Ele ficou muito ferido na cabeça, nos braços e na perna. Foi uma coisa horrível”, lamentou o amigo de Leonardo. O pai do taxista esteve no hospital na tarde desta sexta-feira (10), e deve voltar na manhã deste sábado para acompanhar a situação do filho.

Até a noite desta sexta-feira a travesti não havia sido localizada.

About Marcelo Ribeiro

Check Also

Justiça do ES dá 48h para que sindicato se manifeste sobre greve de motoristas de caminhão de lixo

Sindicato patronal acusa a categoria de não cumprir a liminar que determina a manutenção de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *