Home / Noticias / Após destruir carro do ex a marretadas, mulher se envolve em briga com a atual dele

Após destruir carro do ex a marretadas, mulher se envolve em briga com a atual dele

Por volta das 17h desta segunda-feira (22), a mulher que destruiu o carro do ex-marido a marretadas, em Cariacica, se envolveu em uma confusão com a atual do vendedor, uma manicure de 33 anos, em um supermercado, no bairro Santana.

A manicure afirma que ela estava chegando ao mercado, quando a vendedora Edna da Costa Machado, de 37 anos, a viu e começou a chamá-la de nomes de baixo calão. Após os xingamentos, a vendedora deu um tapa na casa da manicure, que chamou a polícia.

Edna ainda tentou fugir, mas uma viatura da Polícia Civil passou na hora e levou as duas para o DPJ de Cobilândia.

Responsável pelas marretadas, a vendedora foi autuada por lesão corporal leve e injúria, assinou um termo circunstanciado e vai responder em liberdade.

De acordo com a manicure, Edna tem ameaçado ela desde setembro do ano passado, quando ela começou a namorar com o ex-marido dela.

Ainda segundo a atual, Edna sempre xinga ela pelas redes sociais. A vendedora, por sua vez, alega que a manicure sempre está atrás dela, o que ela nega. 

“Ela sempre acha um jeito de me mandar mensagens, ela me xinga e fala que ele não ajuda os filhos deles, mas anteontem mesmo ele deixou dinheiro para os filhos. Eu não provoco ela, não vou perder meu tempo com isso”, disse a manicure.

Segundo a irmã de Edna, uma pedagoga, elas estavam almoçando na casa de uma amiga, quando foram ao mercado. Enquanto ela utilizava o caixa eletrônico, a vendedora ficou esperando do lado de fora e, nesse meio tempo as duas se encontraram e começaram a discutir. Quando elas partiram para a agressão física, a pedagoga afirma ter ajudado a separar a briga. 

Ainda de acordo com a pedagoga, o vendedor não presta assistencia aos filhos dela. “Só sabe o que minha irmã está passando, quem tem o filho abandonado pelo pai”, disse a pedagoga.


Você pode Gostar de:

No segundo dia de greve dos rodoviários, passageiros lotam terminais da Grande Vitória

Segundo o Sindirodoviários-ES, 75% da frota de coletivos está nas ruas, conforme determinação da Justiça …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *